quinta-feira, junho 02, 2005



Embora não pertença à área politica do nosso ex-Primeiro Ministro, fiquei contente com a indigitação do Eng.º Guterres para o cargo de Alto Comissário das Nações Unidas para os Refugiados ACNUR.

As qualidades humanas e a sensibilidade que manifesta para as questões sociais, são um bom augúrio de que o Eng.º Guterres fará um bom lugar.

A ACNUR tem uma missão importante a desempenhar no Mundo, sobretudo para cerca de 20 milhões de seres humanos que, todos os dias, fogem de guerras sem sentido ou são vítimas de perseguições politicas e de ódios étnicos inaceitáveis.

Os Países que têm mais refugiados e deslocados são o Afeganistão, Sudão, Burundi, Congo, Palestina, Somália, Iraque, Vietname, Libéria Angola e Colombia.

A sede da ACNUR é em Genebra, tem 6.000 funcionários instalados em mais de 250 Gabinetes espalhados por 116 Países. Dos 6.000 funcionários 80% trabalham no terreno.

A ACNUR conta com mais de 500 Organizações não Governamentais como parceiras.

A tarefa que espera o Eng.º Guterres é gigantesca. Para bem dos desprotegidos deste Mundo global que construímos, oxalá que o Eng.º Guterres tenha sucesso.