segunda-feira, julho 24, 2006

IMPOSTO MUNICIPAL SOBRE VEICULOS

Até ao dia 14 deste mês, todos os proprietários de viaturas deviam pagar o Imposto Municipal sobre Veículos (vulgo – selo do carro).

Este ano, foram introduzidas novas modalidades de aquisição, podendo fazer-se a aquisição dos selos, por exemplo, via Internet.

Acontece que o sistema informático registou falhas diárias e bloqueios arreliantes. Para complicar mais a situação, foi reconhecido, já na véspera da data limite para aquisição, que faltavam no mercado 1.000.000 de selos.

Em face destas anomalias, é legitimo perguntar:

1 – Terá havido uma venda excepcional de 1.000.000 de viaturas no período 2005/2006, para justificar os erros de previsão?
2 – No caso de não ter havido esse aumento exponencial de vendas, quem foi o decisor que mandou que a INCM fizesse menos 1.000.000 de vinhetas?
3 – Será que esse decisor estava convencido que havia 1.000.000 de proprietários de viaturas que estavam dispostos a fugir ao pagamento do imposto, para lesar as Câmaras Municipais?
4 – Este erro de previsão não poderá ser imputado aos maus resultados que temos na disciplina de Matemática?
5 – Será culpa do “ SIMPLEX” ou do “ PLANO TECNOLÓGICO “?

Quem tiver uma justificação minimamente aceitável que o diga, para sossego do POVO:

1 Comments:

Blogger Joao Soares said...

Quanta simpatia e preocupação pelo Ambiente que também (tão bem) se respira no teu blogue.

Gostava por isso que visistasses o meu BioTerra.
Um abraço
http://bioterra.blogspot.com

6:10 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home