domingo, outubro 22, 2006

Malandragem


Havia um País que tinha apenas um fornecedor nacional para um determinado produto.

Depois de elaborado um estudo técnico-económico, considerado cientificamente bem elaborado, foi decidido que esse produto devia ser fornecido, a partir de 2007, a cerca de 5 milhões de pessoas, com um agravamento da ordem dos 16%.

O Povo, na grande generalidade ficou estupefacto com essa subida, protestou contra este agravamento e tinha razões poderosas para o fazer, pois ainda não tinha sentido que “ A CRISE “ tinha acabado.

Então aparece um Senhor importante e com poder de intervenção e cheio de boa vontade e disse “ Alto e pára o baile – Isto não pode ser “. Apesar da sua estatura ser baixa, deu um murro em cima da mesa, com tanta violência que o Povo exclamou – “ Temos Homem – Este é que nos vai resolver o problema “.

E, não é que o problema foi minorado, pois o aumento previsto, foi reduzido em mais de 50%.

O POVÃO tem que estar eternamente grato a este Senhor. Se não fosse ele, iríamos todos pagar, com língua de palmo, o agravamento do produto.

É necessário que em cada Terrinha, mesmo no mais recôndito lugar deste País o POVÃO não esqueça tamanho feito. Sugiro que o nome deste Senhor seja perpetuado na toponímia dos arruamentos existentes nos 308 Municípios.

NOTAS FINAIS

É claro que esta estratégia, não tinha sido previamente combinada!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
Qualquer semelhança desta história com o problema do tarifário eléctrico para 2007, é pura coincidência.!!!!!!!!!!!!!!!!


3 Comments:

Blogger contradicoes said...

Se foi combinado não sabemos mas foi uma grande coincidência que nos leva a desconfiar. Basta termos em conta que umas semanas antes o responsável pela Iberdrola, o ex-ministro de Guterres, afirmou que as tabelas tinham de ser revistas para se praticar a verdadeira concorrência. Um abraço do Raul

7:02 da tarde  
Anonymous Paula e Rui Lima said...

Olá!

Se gostas de cinema vem visitar-nos em

www.paixoesedesejos.blogspot.com

todos os dias falamos de um filme diferente

Paula e Rui Lima

2:05 da tarde  
Blogger Joao Soares said...

Então,caro Duarte?Como está?
Parou o seu blogue?
Não desista....nem que seja um post por semana.

Um abraço do BioTerra

6:19 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home